SPOILER-O enredo do 2

    Compartilhe
    avatar
    Anilyan
    Feiticeiro

    Warning de Respeito às Regras :
    Mensagens : 198
    Data de inscrição : 17/04/2011
    Idade : 19
    Localização : Portugal
    Moedas RPG : N/A

    SPOILER-O enredo do 2

    Mensagem por Anilyan em Qua Ago 10, 2011 5:00 am

    Tal como fiz com Eragon, vou resumir o segundo livro em spoiler para aqueles que não gostam de os reler. É só abrir.

    Spoiler:
    Eldest
    Ajihad, líder dos Varden, é assassinado e sucedido por sua filha, Nasuada, enquanto os Urgals capturam Murtagh e os irmãos bruxos chamados Gêmeos. Eragon, Arya e o anão Orik vão para Ellesméra (capital dos elfos escondida na Floresta Du Weldenvarden), onde Eragon deve continuar seu treinamento, feito por um cavaleiro ancião e dragão sobrevivente, mas ambos debilitados. Apercebe-se de que gosta de Arya e confessa-lho, mas ela regeita-o e não tarda a ir-se embora. Entretanto, na celebração do juramento de sangue, Eragon é transformado em semi-elfo e curado da cicatriz. Esse livro conta com uma participação bem mais ativa de Roran, sendo ele também considerado um dos personagens principais, como Arya, Orik e o próprio Eragon. Roran tem por volta de vinte anos no começo do livro, e sua maior preocupação era reconstruir sua fazenda para poder pedir a doce Katrina em casamento. Diferentemente do seu antecessor, este livro mostra as terríveis consequências da fuga de Eragon para com seu vilarejo, as quais destacam-se: A Invasão de Carvahall – Um exército é visto perto do Vale Palancar. Eles estão atrás do primo de Eragon, com a intenção de levá-lo ao rei. Com a desculpa de que estava caçando, Roran foge para as montanhas na esperança de que os soldados se irritassem e partissem, o que não aconteceu e, após uma série de eventos, como a morte de Quimby e o celeiro de Carvahall incendiado, Roran volta para a casa de Horst (o ferreiro local) e combina com vários outros habitantes a expulsão dos soldados. Após uma avalanche de incidentes, como a quase destruição do vilarejo, Katrina é levada por aqueles que lideram a tropa: os Ra’zac. Crendo que o único jeito de salvar Katrina- que foi sequestrada pelos Ra’zac- e impedir a completa destruição de Carvahall é levar todo o vilarejo até a nação independente de Surda, ao sul da Alagaësia, Roran convence a população com um grande discurso. Com o plano de chegar à cidade portuária de Narda e pegar um barco de lá até Surda, Roran leva os habitantes de Carvahall a atravessarem a perigosa cordilheira conhecida como Espinha.O Olho de Javali é um imenso redemoinho (sem dizer ser o maior da Alagaësia) entre as ilhas Nía e Beirland, pelo qual Roran, a bordo do navio Asa de Dragão, se vê obrigado a passar, com alguma esperança, para tentar fugir de 3 navios enviados por Galbatorix para capturá-los.O clímax do livro acontece na Campina Ardente, uma zona em que ocorre uma grande batalha entre o exército de Galbatorix e os Varden. Murtagh reaparece, agora controlado por Galbatorix (mediante um juramento na Língua Antiga), junto ao seu dragão Thorn (um dos dois ovos restantes que finalmente eclodiu; agora, o rei possui um Cavaleiro a seu dispor e um ovo de dragão ainda sob poder). Juntos, eles têm o poder para derrotar Eragon e Saphira, mas Eragon e Murtagh acham uma brecha no plano de Galbatorix e Murtagh abandona a luta. Enquanto isso, ao chegar à Surda, Roran é avisado que uma guerra está acontecendo entre os Varden e o Império. Tentando ajudar os Varden, Roran leva o gigantesco navio que transporta os habitantes de Carvahall para a Campina Ardente. Lá ele encontra Eragon, agora um cavaleiro, e mata dois magos do Império, os já conhecidos Gêmeos, que na verdade são traidores dos Varden. Ao fim da batalha, Roran encontra-se com Eragon, e pede sua ajuda para resgatar Katrina – que está aprisionada em Helgrind. Ambos partem então para salvá-la.

      Data/hora atual: Sab Jul 22, 2017 7:43 am